domingo, 4 de março de 2012

Previsões e predições


Conhecer de perto a previsão é saber conviver com a predição. Quando ambas caminham juntas você se perdi na noção do que esta pra acontecer ou se realmente vai acontecer. Implica em uma alta carga de responsabilidade em colocar as peças no tabuleiro corretamente.

Tudo que se torna previsível de mais acaba sendo usado em estratégias preditas mais a frente. Deixando o jogo calmo, porem entediante. Quando as predições não se encaixam, acaba deixando as peças agitadas, desconfiadas. Com isso a previsão chega tarde de mais, por que não se encontra mais as peças no jogo.  É você falhou!

Toda falha causa um baque interno, abala tudo por dentro. Mas ele te mostra outra forma de jogar. Começo analisando todos os arremessos do dado, jogadas displicentes, regras do jogo. E tudo isso se transforma em novas previsões para as próximas partidas.

Falhas devem ser vistas como ponto de partida para um melhor compreendimento deste jogo chamado “viver”. Onde o próprio tabuleiro vai te mostrar os pontos cegos e os obstáculos a serem vencidos. Novas peças surgiram, e com elas novas predições e previsões sobre elas. E tudo que tem a fazer é jogar com a experiência de partidas anteriores. Mas desta fez você vai prever as falhas no tempo certo e vai saber posicionar as peças corretamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário